Instalar Spot LED em Sanca de Gesso

Tempo de leitura: 2 minutos

COMO INSTALAR SPOT LED EM SANCA DE GESSO

O spot de LED é um produto moderno e eficiente, a variação entre os modelos possibilita a adequação para ambientes que exigem iluminação direta, tanto para decorar como para torná-lo funcional, como por exemplo, as áreas de trabalho.

Nas sancas de gesso, o Spot de LED, fica simplesmente perfeito, pois é a união de utilidade e extremo conforto visual, além de tornar qualquer ambiente simples em “um espaço glamoroso”.

E com certeza, você que tem bom gosto já comprou seu spot de LED, mas está preocupado, porque deseja vê-lo em ação, mas não sabe como instalar, acertei?

Pois saiba que não é nada complicado, respire fundo e mãos a obra!

Separe os materiais que irá precisar como luvas, alicate de corte, fita isolante, serra para gesso, lápis, trena e escada.

  • Antes de tudo cesse a corrente elétrica geral, assim poderá realizar o trabalho com calma e total segurança.

1. Cortando o gesso

Após escolher o local onde irá instalar o spot, ou os vários spots, faça os cortes no gesso.

Lembre-se que o gesso é um material leve, e até mesmo com uma serra simples poderá fazer a abertura, porém tenha calma para não quebrar ou manchar.

2. Fazendo a conexão entre os fios

A saída da rede elétrica atrás do gesso é composta apenas por dois fios:

  • Fase que é o fio vermelho
  • Neutro que é o fio azul

Simplesmente faça a conexão desses dois fios ao conector do spot, certifique-se de que esteja bem isolado, e pronto.

Não se preocupe com a polaridade, pois o spot de LED é bipolar.

Importante!

  • O furo do spot LED não precisa ser perfeito, faça de acordo com a circunferência da lâmpada, assim o acabamento ficará excelente, pois o suporte do spot irá fazer a cobertura de qualquer imperfeição;
  • O sistema solta encaixa do spot, não requer qualquer outro tipo de prendedor ou fixador.

Fontes de referência

https://www.youtube.com/watch?v=BeKRRyGPFqk, acessado em 17 de Março de 2017.

https://www.youtube.com/watch?v=Oxjlnn7aMDU, acessado em 17 de Março de 2017.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *